segunda-feira, 2 de março de 2009

Dar Sangue - Versão Egoísta

Para aqueles que só fazem o bem para colher benefícios, fiquem a saber que há muitas vantagens em dar sangue:
  • Servem-nos sumo, café, bolos, pão e bolachas, tudo à borla e, literalmente, servido numa bandeja;
  • Estamos 5 a 10 minutos numa poltrona reclinável, o que sabe sempre bem;
  • Se doarmos duas vezes em 6 meses ficamos isentos de pagar taxas moderadoras dos serviços de saúde, o que dá imenso jeito nestes tempos de crise;
  • Podem fazê-lo durante o horário de trabalho e o patrão não tem outro remédio senão aguentar;
  • É uma boa técnica de engate(esta é para os meninos,claro), porque não há mulher que resista a tão bom coração.

Deêm sangue nem que seja por estas razões.

3 comentários:

Ana Novo disse...

Já agora aproveito para continuar com os reptos de cidadã responsável: podem sempre dar um pulinho ao Pulido Valente e darem 1 frasquinho piquinino de sangue para entrarem na base nacional de doadores de medula :)
O máximo que posso fazer é companhia ao almoço… e e e com esta crise já não é nada mau não é Dianinha presidenta!
bj*

Diana disse...

Pronto lá tinhas de vir tu tentar ser melhor q os outros!:p
Muito bem aconselhado sim sra.!
Ui e que companhia que têm para o almoço!Não se deixem enganar, esta menina só quer é comer à borla!:p
Bj

David disse...

Ainda assim não me apresentas-te motivos suficientemente bons para me convencer a deixarem-me espetar agulhas no braço.
E a salvação da humanidade, obviamente, não é argumento que me comova nem um bocadinho.

O que esteve mais perto foi o "Servem-nos sumo, café, bolos, pão e bolachas, tudo à borla e, literalmente, servido numa bandeja" e mesmo assim não é suficiente. Ainda se existissem enfermeiras giras...(mas são todas umas matrafonas iguais à minha irmã)